Casas de matriz africana realizam atos no fim de semana em Maceió

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Casas de matriz africana realizam atos no fim de semana em Maceió

Mensagem por Tania Jandira em Seg Jan 09, 2017 3:38 am

O fim de semana em Maceió contará com manifestações da cultura afro e ações contra a intolerância às casas de matriz africana. Neste sábado, 7 de janeiro, a entidade religiosa Ilé Nife Omi Omo Posú Betá realiza do “Dia das Flores”, na praça Ganga Zumba, em Cruz das Almas, a partir das 16h. No domingo, 8, haverá a tradicional lavagem do pátio da Igreja do Senhor do Bonfim, às 15h, no bairro do Poço.
De acordo com os organizadores do “Dia das Flores”, a ação é uma homenagem a Ganga Zumba, “homem guerreiro e defensor da negritude” e deve resultar na lavagem da escultura construída em homenagem a ele na praça que leva o mesmo nome. O evento está programado para acontecer das 4 da tarde às 8h da noite.
“Será um grande momento de fé, amor e devoção, com rituais sagrados, momentos de apresentações dos terreiros e lavagem da estátua de Ganga Zumba”, informa a yalorixá Mãe Miriam.
No domingo, 8, religiosos e simpatizantes das religiões de matriz africana farão a tradicional lavagem do pátio da Igreja Senhor do Bonfim, no Poço. A celebração, que é realizada há 16 anos, deve reunir dezenas de participantes vestidos com roupas brancas, carregados com potes com água de cheiro e flores, para a limpeza do local.
Antes, porém, conforme a organização do evento, o cortejo deve sair da rua São João, no bairro do Jacintinho, entoando cânticos para Oxalá e portando faixas contra a intolerância religiosa. Após a lavagem, o cortejo deve se dirigir até a Casa de Iemanjá, no bairro Ponta da Terra.
Ainda segundo os organizadores, a manifestação religiosa deve contar com a participação efetiva de diversas casas de axé da capital e do interior com caravanas vindas de municípios como Atalaia, Cajueiro, Marechal Deodoro e Coruripe.
Como atrações artísticas do cortejo constam a participação de diversos grupos, a exemplo do Afoxé Omin Morewá, Afoxé Ofá Omin, Grupo Ara Funfun Omangerê, Banda Afro Afoxé, Banda Afro Zumbi, Maracatu Raízes da Tradição, Coletivo Afro Caeté e o Afoxé Odô Iyá.

Fonte: FMAC

http://www.alagoas24horas.com.br/1026115/casas-de-matriz-africana-realizam-atos-fim-de-semana-em-maceio/
avatar
Tania Jandira

Mensagens : 2717
Reputação : 177
Data de inscrição : 02/02/2012
Idade : 57
Localização : Rio de Janeiro

http://psicoterapiarj.blogspot.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum