Últimos assuntos
» Fitas Amarradas
Ontem à(s) 11:02 pm por Tania Jandira

» ACONTECE NO TERREIRO DE UMBANDA!!!
Ontem à(s) 3:11 pm por João Gabriel Duarte

» Nome de Caboclo
Ontem à(s) 9:51 am por erci.filho

» Coca Cola e ere
Ter Out 28, 2014 8:18 am por claudia fusetto

» Como sair do terreiro?
Dom Out 26, 2014 9:45 pm por Fabiana

» A Umbanda no mundo
Dom Out 26, 2014 8:02 pm por Daniel A. Nascimento

» O branco, o virgem, o puro...
Dom Out 26, 2014 7:21 pm por Fábio Ribeiro

» Coca cola de exu
Dom Out 26, 2014 6:40 pm por claudia fusetto

» Sonhos e Umbanda
Sab Out 25, 2014 11:39 am por Tania Jandira

» Primeira incorporação, Exú ?
Sex Out 24, 2014 9:28 pm por Eri Andrade

» Cruzar a casa
Sex Out 24, 2014 2:08 pm por Carlos Camuzzi

» Um blog para pesquisas sobre a África e o Brasil
Sex Out 24, 2014 1:45 pm por Fabiana

» Consulta com entidade - ajuda pf
Sex Out 24, 2014 11:00 am por Tania Jandira

» Acender um charuto/cachimbo
Ter Out 21, 2014 6:27 am por DANIEL CORREA DE ARAUJO

» UMBANDA LIVRE É UM FÓRUM DE DEBATES E EXPOSIÇÕES DE IDÉIAS
Seg Out 20, 2014 8:33 pm por Nathalia Lione

Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada

Social bookmarking

Social bookmarking Digg  Social bookmarking Delicious  Social bookmarking Reddit  Social bookmarking Stumbleupon  Social bookmarking Slashdot  Social bookmarking Furl  Social bookmarking Yahoo  Social bookmarking Google  Social bookmarking Blinklist  Social bookmarking Blogmarks  Social bookmarking Technorati  

Conservar e compartilhar o endereço de em seu site de social bookmarking

Salve Os Pretos e Pretas Velhas! Adorei as almas!

A " Guia" tem um número certo de contas?555

A " Guia" tem um número certo de contas?

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

A " Guia" tem um número certo de contas?

Mensagem por Tania Jandira em Qui Abr 05, 2012 9:56 pm

Olá manos e manas!
Li um artigo outro dia que citava um número de contas específico para cada Guia da pessoa.
Vocês acham que isso procede? Por que? O que fundamenta isso?
Abraços e axé!

Tania Jandira

Mensagens: 2006
Reputação: 122
Data de inscrição: 02/02/2012
Idade: 55
Localização: Rio de Janeiro

http://psicoterapiarj.blogspot.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A " Guia" tem um número certo de contas?

Mensagem por José Roberto em Sex Abr 06, 2012 5:13 pm

Depende... rsrsr

Se forem guias para Orixá, receita de bolo é até válida dentro de uma comunidade, vertente, nação, etc... Pode se normatizar as cores, formas, medidas, quantias, enfim, tudo pode ser e a meu ver deve ser normatizado no caso especifico de guias de Orixá, dentro de uma mesma comunidade. Mas quanto as guias de trabalho das entidades, a coisa muda de figura, pois quem passa as especificações de sua confecção é a entidade a qual ela se destina.

Aqui nós utilizamos um padrão de cores, formas, medidas, quantias e material empregado. Esse padrão é herança, e seus significados são passados aos filhos quando de sua iniciação.

Cada nó, conta, pedra, firma, etc, etc, etc, tem um significado e o conjunto formado por estes materiais é a somatória disso tudo. Assim, cada conta é uma letra e cada nó é uma nota, na composição dos versos que cantam um mito.

Para nós, as guias de Orixá, representam compromisso, a ligação entre o Orixá e seu filho, indica o iniciado e sua trajetória, e muito mais...

As guias das entidades, por outro lado, são ferramentas de trabalho das mesmas. Assim, quando um Preto Velho pede uma guia, ele dita cuidadosamente tudo aquilo que vai em sua confecção, sejam sementes, pedras, contas, palha, ou qualquer outro material. Sendo que, aqui em minha Casa isso tudo é medido, contado... Não segue um padrão, pois cremos que indicam parte de um individuo, mesmo tendo como finalidade o uso para realização de trabalhos e não a identificação da entidade, pois traz como característica de sua construção, símbolos que intermediarão a atuação da própria entidade.

A exemplo disso, a guia do Caboclo com quem trabalho (Tupinambá), é composta de varias pedras multicoloridas, dispersas entre contas verde... E já observei Caboclo com mesmo nome usando guia totalmente diferente... Indivíduos...

A guia do Boiadeiro com quem trabalho, traz elementos comumente usados por Exú, (olhos de cabra, olhos de boi,...), em harmonia com contas nas cores de Oiá e com firmas de couro... Motivo... Quando de seu desencarne, ficou aos cuidados de Exú até que pudesse atuar na religião, quando por motivos que não me cabe postar, passou a integrar a Linha de Trabalho de Boiadeiro, adotou como suas cores, as cores de Oiá, pois revelou ser filho desse Orixá e apaixonado por Essa nossa Mãe... Dono de um humor maravilhoso e contagiante, certa vez me disse que umas balas de fuzil em sua guia iria ficar uma belezura... rsrsr Perguntei-lhe se eram necessárias e Ele me disse que necessárias não eram, mais qui são danada di bunita são... Sou o primeiro médium com quem Ele trabalha, e acredito que se pudesse, ficaria em terra o dia todo e todo dia.

Outra hora, se autorizado for, eu conto a historia dele aqui...

José Roberto

Mensagens: 770
Reputação: 219
Data de inscrição: 04/02/2012
Idade: 42
Localização: Suzano - SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A " Guia" tem um número certo de contas?

Mensagem por Convidado em Sex Abr 06, 2012 6:54 pm

Olá mana!

Quado usamos o termo "fundamentar" não há muito segredo nisso e sim uma tradição executada.

Como já bem descrito pelo mano José Roberto, cada casa, cada guia, cada Orixá trará sua forma.

Guias ou fios para terem o que chamamos de fundamento devem ser confeccionados pelo usuário ou pelo seu sacerdote.

Em alguns axés eles são montados com rezas para cada passo, seja de enfiar as contas, seja de colocar objetos, seja no fechamento.

A própria escolha do material já é uma parte da essêcia de todo esse "patuá".

Em minha casa os iniciados tinham os fios com as contas que se compram no mercado porém com o passar do tempo cada qual vai recebendo de seu guia, Orixá, dirigente orientações de sua modificação ao ponto de usar materiais diversos aos usuais.

Ex: Meu fio de Ògún e de Òòsàálá
são de pedras mas não necessariamente sejam superiores ou inferiores aos que usam outros tipos de material tudo é uma questão de tradição, tanto que uso muito mais o fino e os de pedras somente em ocasiões especiais.

Segue as fotos para perceber as diferenças.

[img]%20By%20kambami%20at%202012-04-06[/img]

[img]%20By%20kambami%20at%202012-04-06[/img]



Abraços e axé!

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A " Guia" tem um número certo de contas?

Mensagem por luzia guerra em Sex Abr 06, 2012 10:13 pm

Olá amada mana Tania, em nossa linha, não é que deve ter um número certo de contas, mas existem cores para diferenciação. Por exemplo, trabalhamos com velhos de Congo (azul), Minas (marron), Angola (verde) e Bahia (vermelho), assim as guias deverão ser preto, branco e algumas nas cores conforme a linha. Outro exemplo é o verde, para cachoeira, o azul para mar, ex.: Inhaçã do Mar (amarelo, branco e azul). São incluídas firmezas à pedido das entidades, por exemplo, búzios, dentes, sementes, armas, etc. Não sei se me fiz entender. Beijussss.

luzia guerra

Mensagens: 94
Reputação: 3
Data de inscrição: 02/03/2012
Idade: 55
Localização: Nova Friburgo - RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A " Guia" tem um número certo de contas?

Mensagem por Tania Jandira em Sex Abr 06, 2012 10:44 pm

Olá manos Zé Roberto, Kambami, Luzia!

Obrigado pelos escritos! Sempre é bom sabermos mais ou recordarmos sobre alguns objetos que são importantes para nossa religião, como as Guias.

Mas... vou tentar ser mais clara no que perguntei. Há alguns Umbandistas que sempre dizem que a Guia tem que ter 108 contas, sem se explicar o por que desse número. Acredito que deve ter uma razão... mas normalmente não se explica, mesmo na ótica de uma vertente da Umbanda. E se formos caçar na internet artigos... muitos colocam esse número.... e há pessoas que repetem isso, sem dar uma explicação do por que.

O artigo que li falava de que para alguns Orixás seria 108, outro 117, outro um outro número.... eu me perguntei se isso era uma novidade que alguém trouxe ou se tinha algo que fundamentasse, exatamente em uma tradição; assim como alguns vão se referir a números e Orixás...

Uma curiosidade entre as muitas que tenho, rssssssssss

Abraços e axé!

Tania Jandira

Mensagens: 2006
Reputação: 122
Data de inscrição: 02/02/2012
Idade: 55
Localização: Rio de Janeiro

http://psicoterapiarj.blogspot.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A " Guia" tem um número certo de contas?

Mensagem por José Roberto em Sex Abr 06, 2012 11:30 pm

Irmã Tania, achei uma matéria em um site que trata deste assunto.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Pelo que entendi das receitas prescritas neste site, a quantidade é vinculada ao tamanho das contas, assim me parece que o que se objetiva é o tamanho e a forma final da guia.

Já obtive há muitos anos atrás uma informação parecida, onde um zelador me relatou que as guias deveriam ter X de tamanho aproximado, obtido de múltiplos das contas em referencia ao numero 7 ou ao numero atribuído ao Orixá... Na verdade acredito que o objetivo seja o mesmo do apresentado no site... Padronização da estética e comprimento.

José Roberto

Mensagens: 770
Reputação: 219
Data de inscrição: 04/02/2012
Idade: 42
Localização: Suzano - SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A " Guia" tem um número certo de contas?

Mensagem por Convidado em Sab Abr 07, 2012 10:25 am

Tania Jandira escreveu:

Tania há sim identificações de numerações sejam elas representativas do Orixá, da entidade guia ou não como bem descrito pelo mano José Roberto.

Sabemos que muitos montam seus fios na concepção de chakras e na altura do Umbigo reflete muito a proteção de uma das entradas do corpo mediúnico, fazendo assim com que o fio haja como um círculo de proteção a essa entrada.

Eu e particular nunca gostei e enrolo o meu para evitar acidentes de prender no joelho quando abaixamos por um motivo qualquer, evitando que arrebente.

Perceba que diferente do fio fino o grande segue a regra de sete para Ògún e o de
Òòsàálá oito, porém não considero como norma ou regra tendo em vista que existem uma infinidaes de Odus entre o 1º e o 256º que descrevem passagens de Òòsàálá e nem por isso fazem fios para o mesmo com intervalos de 256 contas, rssssssssssss.

Diriamos então que trata-se apenas de um norma da sociedade religiosa para criar uma regra de apresentação somente.

Assim como exstem normas de Eketés para homens e torço para mulheres e vemos que há em outras casas homens com torço também, porém nunca vi mulheres com eketés, rssssssssssss.

Em verdade usos de coberturas da cabeça, fios de contas, impulsas (pulseiras) vestes e etc..., são tradições muitas vezes de famílias ou de cultos.

Abraços e axé!

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A " Guia" tem um número certo de contas?

Mensagem por sandra maria figueiredo em Ter Abr 10, 2012 2:59 pm

Ola! manos(as).

Na minha casa a orientação recebida para a montagem das guias/cordão de contas.

São 147 contas da cor da entidade divididas em 21 contas 1 firma,mais 21 contas e 1 firma são 7 firmas.

1 firma grande e 6 maiores que as contas e menores que a firma grande.

Razão: 1 firma grande; representa o ínicio e o fim de nossa jornada na terra.

21 contas; representa vinte e um anos em nossos caminhos,

1 firma menor; representa nossa mudança a cada 21 anos, dando fim a uma etapa e iniciando outra.

as contas coloridas somam 147 divididos por 21 são 7, número cablistico dentro da Umbanda mais 7 firmas somam 154 contas,

é o minimo de anos para haver uma nova reicarnação.

Mais é claro que as entidades podem trocar as firmas por qualquer outro objeto que tenha outros significados que o aproximem mais de seu médium.

Abraços.

sandra maria figueiredo

Mensagens: 143
Reputação: 14
Data de inscrição: 08/02/2012
Idade: 50
Localização: Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A " Guia" tem um número certo de contas?

Mensagem por erci.filho em Dom Jul 13, 2014 2:00 pm

Fui questionado na seguinte situação.

O caboclo pediu para a cambone fazer ou comprar uma guia de tres voltas com sete firmas,no caso um BRADJÁ.

Está cambone segundo informação da pessoa já está no terreiro cerca de 04 anos e até agora não fez nenhuma obrigação.

Segundo a informação é que esta cambone participa de todos os trabalhos da casa, desde a fazer a comida dos Orixás, entregas e tudo mais relacionado ao bom andamento do terreiro.

Acredito que se o caboclo falou com certeza ele deve saber e ver que esta camone já está preparada para usar um BRADJÁ de três fios e talvez seja norma da casa.

O que os manos e manas tem a dizer...

Axé.

erci.filho

Mensagens: 86
Reputação: 7
Data de inscrição: 19/08/2013
Idade: 49
Localização: Suzano - SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

A "Guia" Tem Um Certo No. de Contas?

Mensagem por Convidado em Qua Jul 16, 2014 3:32 am

Interessante e' que o no. 108 aparece em "guias" de varias religioes, Hinduismo, Budismo, Mulcumanos e ate' mesmo em rosarios catolicos. Na numerologia, esse no. se reduz ao no. 9, que e' o algarismo que significa "completo", ja' que e' o ultimo algarismo.

Fazendo uma pesquisa online, eu descobri que esse no. 108 p/ "guias" no hinduismo, occorre porque o idioma deles, o sanscrito, e' composto de 54 letras de qualidade masculina (Shiva) e 54 de qualidade feminina (Shakti), totalizando 108.

Desculpem se estou divago por outras religioes mas achei interessante a coincidencia. 

Voltando 'a Africa, a autora Joanne Bubolz Eicher, em seu livro "Contas e Fazedores de Contas", diz que as "contas se encotram entre os objetos mais antigos da humanidade, e foram encontradas contas de casca de ovos de avestruz na Africa, datando de 10000 AC.


As "guias" eram usadas como moeda corrente na Africa entre o seculo 16 e seculo 20, em troca por bens de consumo, servicos prestados e escravos, e esse costume se espalhou pela Europa, sendo as contas de vidro chamadas "milfiori"  muito comuns em Veneza.

Desculpem novamente a divagacao mas achei interessante o fato delas serem trocadas inclusive por escravos na epoca. Isso explica um pouco a importancia delas, nao so' como instrumento religioso mas tambem monetario, naquela epoca.

So' para terminar, meu Exu pediu recentemente uma guia de 7 contas vermelhas, 7 contas pretas, mais 7 contas vermelhas, intercaladas por um buzio aberto, etc.  Achei muito interessante, devido 'a ligacao de Exu com o Ifa' e tambem devido ao valor monetario que os buzios tiveram na Africa de entao...

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A " Guia" tem um número certo de contas?

Mensagem por Convidado em Qua Jul 16, 2014 3:42 am

[quote="Tania Jandira"]...

Mas... vou tentar ser mais clara no que perguntei. Há alguns Umbandistas que sempre dizem que a Guia tem que ter 108 contas, sem se explicar o por que desse número. Acredito que deve ter uma razão... mas normalmente não se explica, mesmo na ótica de uma vertente da Umbanda. E se formos caçar na internet artigos... muitos colocam esse número.... e há pessoas que repetem isso, sem dar uma explicação do por que.

O artigo que li falava de que para alguns Orixás seria 108, outro 117, outro um outro número.... eu me perguntei se isso era uma novidade que alguém trouxe ou se tinha algo que fundamentasse, exatamente em uma tradição; assim como alguns vão se referir a números e Orixás...


[/quote]
So' p/ completar o raciocinio sobre o no. 108, ou o 117, que tambem se reduz ao no. 9, pensei que se o Hinduismo e' uma religiao muitissimo mais antiga que o Cristianismo, sera' que esse no. nao veio dai', via o Cristianismo que os escravos eram obrigados a praticar? Ou sera' que na Africa esse no. 108 e' tambem usado nas "guias" de rituais religiosos?

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A " Guia" tem um número certo de contas?

Mensagem por Robson Claro em Qua Jul 16, 2014 7:14 pm

Ola Lumiarense, apenas para constar enviei a sua caixa de mensagens as orientações solicitadas por você.

_________________
Tolos e fanáticos são sempre seguros de si.
Já os sábios, estão sempre cheios de duvida!

Robson Claro

Mensagens: 421
Reputação: 49
Data de inscrição: 27/02/2012
Idade: 41
Localização: São Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A " Guia" tem um número certo de contas?

Mensagem por Tania Jandira em Sab Jul 19, 2014 5:42 pm

Olá Lumiarense,
Achei interessante sua pesquisa e informação sobre o nº 108 em várias religiões; mas não consegui entender a relação que você fala do Hinduismo com o Cristianismo e Escravos.
O Hinduismo é bem antigo sim, mas os cultos na África também, não é????

Não sei dizer se o número de contas no Candomblé tem alguma explicação que leve a este número.
Alguns manos com mais conhecimento em cultos negros, já haviam respondido e não viam relação do número de contas que eu havia citado.

A informação que você trouxe me fez pensar em uma coisa... Será que esse número foi colocado na Umbanda por conta de alguma vertente que era mais próxima do Hinduísmo, e alguns repetem sem saber a origem e o significado???

Abraços e axé!

Tania Jandira

Mensagens: 2006
Reputação: 122
Data de inscrição: 02/02/2012
Idade: 55
Localização: Rio de Janeiro

http://psicoterapiarj.blogspot.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A " Guia" tem um número certo de contas?

Mensagem por Convidado em Dom Jul 20, 2014 1:59 am

Ola', Tania

E', voce tem razao no seu comentario. Acho que talvez tenha mais a ver mesmo com os Malês, que eram os unicos escravos que sabiam ler e escrever qdo. chegaram da Africa, por causa de terem adotado a religiao dos Mulçumamos, sendo forçados a estudar o Al-Corão, etc. As contas dos Mulçumamos tambem tem 108 contas.

Na casa de santo a que eu pertencia antes, nao importava o no. de contas, desde que a guia pendesse abaixo do umbigo.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A " Guia" tem um número certo de contas?

Mensagem por Tania Jandira em Ter Jul 22, 2014 11:31 am

Sandra Regina escreveu:Ola', Tania

E', voce tem razao no seu comentario. Acho que talvez tenha mais a ver mesmo com os Malês, que eram os unicos escravos que sabiam ler e escrever qdo. chegaram da Africa, por causa de terem adotado a religiao dos Mulçumamos, sendo forçados a estudar o Al-Corão, etc. As contas dos Mulçumamos tambem tem 108 contas.

Na casa de santo a que eu pertencia antes, nao importava o no. de contas, desde que a guia pendesse abaixo do umbigo.
Oi Sandra,
Uma coisa que você escreveu ficou "latejando" em minha cabeça...  entendo que para saber contar, não necessariamente se precisa saber ler.

Lembrei de um trabalho que fiz com parteiras do nordeste do nosso país, onde elas tinham uma forma de "contabilizar" o número de partos que faziam. Elas tinham guardado um saco, onde a cada parto colocavam uma pedrinha.

Lembrei também que uma vez li algo sobre a etnomatemática que é uma ciência nova. Alguns pesquisadores por conta da Lei 10.639 ( ensino da África nas escolas), andaram escrevendo sobre como povos da África usavam a matemática ( raciocínio lógico) através de jogos. Eu não havia guardado nada sobre isso...Dei uma pesquisada e achei algo:
"Os povos bantos tinham grandes conhecimentos matemáticos. A cultura de matriz banta está repleta de símbolos geométricos. O que mais chama a atenção dos cientistas, no entanto, é um pequeno pedaço de osso de um macaco babuíno: o osso de Ishango, encontrado no Congo em 1960. Com cerca de 20 mil anos, o osso, guardado no Real Instituto Belga de Ciências Naturais, pode ser o mais antigo artefato matemático que se conhece. Além de um pedaço de quartzo incrustado numa extremidade, o osso contém traços divididos em três colunas"
 [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Tem mais aqui:
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Falo isso, por que ando pensando sobre a questão dos Negros Muçulmanos em nosso país. Por muito tempo e acredito que até hoje, mesmo pesquisadores vem dando ênfase a presença dos muçulmanos por serem povos que sabiam escrever.
Fico me perguntando se isso não pode ser uma "nova" forma de dominação e tentativa de privilegiar uma cultura, sabe?

Não tenho ainda conhecimento suficiente para dizer se isso é o que agora explicitei.
Penso que precisaria saber mais sobre a antiga geografia da África, sobre migrações, sobre os cultos religiosos praticados na época.... muito estudo, rs.

Quem sabe, você ou outros manos possam também se interessar em estudarmos mais e irmos juntos descobrindo algumas pistas, que alguns pesquisadores vem trazendo a baila???

Desculpem se fugi da questão inicial do tópico, mas não resisti.

Abraços e axé!

Tania Jandira

Mensagens: 2006
Reputação: 122
Data de inscrição: 02/02/2012
Idade: 55
Localização: Rio de Janeiro

http://psicoterapiarj.blogspot.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A " Guia" tem um número certo de contas?

Mensagem por Thiago em Ter Jul 22, 2014 1:49 pm

Lá no terreiro todos os médiuns usam uma guia das "7 linhas" onde se tem 7 cores repetidas 3x, logo temos 147 contas.

Recebemos a orientação de que pra efeito de padronização de tamanho, todas as demais guias das Entidades seguem o mesmo tamanho, pode-se colocar dentes, pedras, firmas, olho de cabra, olho de boi e diversas outras coisas, mas sempre respeitando o tamanho aproximado da guia de 147 contas.

Brajás, seja de 3 fios ou 7 fios é destinado a médiuns coroados apenas, além do PDS os Pais/Mães Pequenos, raras são as exceções onde um médium não coroado usa um Brajá.

Thiago

Mensagens: 49
Reputação: 1
Data de inscrição: 03/06/2014
Localização: São Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A " Guia" tem um número certo de contas?

Mensagem por Laércio em Qua Jul 23, 2014 12:58 pm

Ola,
em nossa casa todo iniciado começa com uma guia com contas brancas, que devem ser montadas por ele mesmo, sem comprar feitas.

De acordo com o padrão de cada pessoa é determinado o número de contas.
depois de acordo com o padrão de envolvimento com a casa, elas podem ser acrescidas.

Pessoas oriundas de outras casas tiveram que se despojar de suas guias, remontando elas ou passando por rito da casa de "re-fixare" do padrão do axé do terreiro.


Bom, atendo ao estudo das contas e o número disponível a ser colocado, temos muitas variáveis dentro dos cultos de umbanda.

Algumas seguem um padrão de cores impares, por exemplo, brancas e azuis, de acordo com uma numerologia do "orixá", outras somatórias de idade e datas iniciaticas da pessoa dentro da Umbanda, outras são com 365, algo com se fosse o calendário, e outras seguem um padrão de rosário, com multiplos de nove e dez, algumas feitas com as famosas "lágrimas de nossa senhora".

como já debatemos, dentro da formação da umbanda veremos a influência de várias culturas, desde os cunhos religiosos afros, os amerindios e os do catolicismo popular português.Mais recentemente contas e números oriundos dos meios orientalistas tem sido agregado.

cont...

Laércio
Admin

Mensagens: 1141
Reputação: 181
Data de inscrição: 01/02/2012
Localização: Londrina-Paraná

http://umbandalivre.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A " Guia" tem um número certo de contas?

Mensagem por Convidado em Sex Jul 25, 2014 12:58 am

Oi, Tania
Sobre os Males, nao acho que seja uma superiorizacao da tribo, nao. Eles realmente foram importantes no movimento de libertacao dos escravos no Brasil, na formacao de Quilombos, etc.

Voltando ao assunto do no. de contas, no terreiro que eu frequentava anteriormente as guias nao tinham um no. certo de contas, desde que pendessem abaixo do umbigo do medium. Questionei o PDS sobre isso e ele disse que isso tinha a ver com o chakra umbilical (sic) do medium. Ja' vi MDS de Candomble' falarem sobre a guia abaixo do umbigo tambem, em videos de entrevistas.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A " Guia" tem um número certo de contas?

Mensagem por José Roberto em Sex Jul 25, 2014 7:58 am

Irmãos

As padronizações referentes a número de contas, comprimento, cores e etc, nas guias de Orixás, são padronizações sociais inerentes a estrutura religiosa, seja ela de uma vertente ou mesmo de uma única Casa. Estas padronizações são válidas no tocante a didática simbólica empregada dentro de uma determinada cultura religiosa.
Já as guias de Entidades, não deveriam se submeter a padronizações, pois, sua finalidade é distinta das de Orixás e cabe a Entidade ditar sua construção, finalidades e usos.

Quanto ao umbigo... O tempo passa e as pessoas que não aprenderam os conceitos mais antigos, acabam adotando aquilo que está na moda. O problema é que se perde informação cultural, fundamentos e até mesmo a identidade religiosa.

Antigamente... Os mais velhos diziam que pelo umbigo nascemos e que ele era a marca dos encarnados, é o centro do corpo, a boca da vida...
Diziam também que o único Orixá a ter umbigo era Xangô e que manteve sua marca mesmo após se tornar Orixá... Outros, já falavam que todos os Orixás que vieram a terra, receberam esta marca como símbolo dos que transpassaram as barreiras espirituais, os portões do Orum, e assim se tornou o umbigo a marca daqueles que vieram ao Ayê.

Em alguma iniciações, o umbigo recebe atenções específicas, assim como a cabeça, ele representa a existência terrena, enquanto a cabeça abriga a partícula da existência eterna.

Há muita informação sobre o umbigo, mas as pessoas acabam adotando referências de outras culturas, pois muitos não aprenderam os conceitos antigos... Mas, espero que este meu breve comentário possa lhes aguçar a buscar junto aos mais velhos, historias sobre o umbigo.

José Roberto

Mensagens: 770
Reputação: 219
Data de inscrição: 04/02/2012
Idade: 42
Localização: Suzano - SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A " Guia" tem um número certo de contas?

Mensagem por Tania Jandira em Sex Jul 25, 2014 11:07 am

Sandra Regina escreveu:Oi, Tania
Sobre os Males, nao acho que seja uma superiorizacao da tribo, nao. Eles realmente foram importantes no movimento de libertacao dos escravos no Brasil, na formacao de Quilombos, etc.

Oi Sandra,
O que sabemos da história a cada dia vai se ampliando.
Temos a Revolta dos Malês na história no Brasil sim, mana.
Mas os pesquisadores de história já um tempo vão nos mostrando que foram os Povos Bantus em nosso país que mais fizeram revoltas. Zumbi era Bantu, p.ex. Também houve uma incidência grande deles como escravos em nosso país.

Os Malês representam um culto religioso específico. O dos muçulmanos negros. Os Yorubás é que os chamaram assim "imale".
Em nossa história alguns negros muçulmanos também ficaram bem conhecidos, pelas suas práticas religiosas.

O que questiono é se supervalorizaram os Malês por saberem escrever, mas para se revoltar e ter consciência de que escravizar não é uma boa coisa, creio que não se precisa saber escrever.
E essa supervalorização me parece que até hoje continua, e vejo que atualmente anda bem em alta.

Se os povos Bantu em nosso país, também sincretizaram seu culto religioso com o dos Malês... é possível, pois houve um caldeirão de culturas africanas em nosso país, no período da escravidão.
Mas por mais que eu procure, não encontro tantos vestígios e características do culto religioso deles na Umbanda, entende?
 
Abraços e axé!

Tania Jandira

Mensagens: 2006
Reputação: 122
Data de inscrição: 02/02/2012
Idade: 55
Localização: Rio de Janeiro

http://psicoterapiarj.blogspot.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A " Guia" tem um número certo de contas?

Mensagem por Convidado em Ter Set 09, 2014 5:13 pm

Oi, mana

Desculpe pela demora em responder a seu comentario e muito obrigado!

Em primeiro lugar eu gostaria de corrigir meu comentario anterior, em que citei os Malês como uma tribo :oops: . O termo se refere nao a uma tribo mas aos africanos muçulmanos e tem origem, realmente, no Yoruba'. O termo Imale em Yoruba' quer dizer Islam e em arabe, "professores", segundo o
Sheikh Muhammad Ragip al-Jerrahi (ver comentario abaixo). "Eram denominados "malês", que significa professores, educadores em árabe."

Eu nao pretendo ter nem a decima parte do seu conhecimento ou do conhecimento do nosso irmao Jose' Roberto, alem de me encontrar fora do Brasil ha' cerca de 40 anos, entre idas e vindas, o que me impossibilita saber se "
essa supervalorização me parece que até hoje continua, e atualmente anda bem em alta." , como voce comentou.

O que eu tenho e' uma paixao pela nossa religiao e por isso fico muito agradecida a voce, ao Laercio, ao Jose' Roberto e tantos outros forumeiros que contribuem com o nosso dialogo. Voces ja' devem estar cansados de ouvir esse comentario mas, tudo bem.

Fui perguntar ao "Pai Google", como diz o Laercio, sobre a influencia dos Malês na religiosidade brasileira e encontrei um texto intitulado



HISTÓRIA DA PRESENÇA ISLÂMICA NO BRASIL
- um breve relato -
[size=undefined]Sheikh Muhammad Ragip al-Jerrahi*[/size]
[size=undefined]Palestra para o Congresso "El Islam em las dos Orillas" – Sevilha 2003[/size]

O autor, Sheikh Muhammad Ragip al-Jerrahi e' o sacerdote supremo da Ordem Sufista de dervixes Halveti Jerrahi e por incrivel que pareça, eu fui iniciada nessa mesma ordem Sufista, aqui nos Estados Unidos, ha' cerca de 5 anos atras. Quando fui iniciada notei de imediato uma semelhança bem grande com a nossa Umbanda. A vestimenta branca, o manter a cabeça coberta, o bater a cabeça no chao, as letras dos canticos e ate' certas praticas que so' da' pra' entender mesmo quando se esta' praticando. Nao ha' como negar a influencia que os escravos Malês tiveram em nossa religiao, Tania.

Encontrei tambem o seguinte texto, que creio ter sido copiado da "Cartilha Raizes Brasileira - Serie O Negro", do autor Everton de Paula,
[size=10]"Os hauças, habitavam o norte da [size=10]Nigéria, parte da República do Níger e em certas comunidades da África do Norte, Oeste e Equatorial, ... [/size][/size][size=13][size=11]conhecidos também como malês ou muçulmis (refere-se a religião dos muçulmanos ou maometanos). Sua influência pode ser notada nos trajes e amuletos dos cultos afro-brasileiros, como lembra o professor Saul Martins."[/size]
[/size]

Eu nao conheço o autor mas pretendo conferir o comentario acima nas obras do antropologo Saul Alves Martins. Aqui esta' o link p/ o comentario:
http://pousadadascores.com.br/leitura_virtual/cultura_brasileira/negro.htm

O link p/ o texto da palestra do Sheikh Ragip esta' aqui:
 http://www.masnavi.org/jerrahi/Artigos___Palestras/Historia_da_presenca_Islamica_/historia_da_presenca_islamica_.html

Pretendo continuar pesquisando o assunto e volto a postar aqui o que encontrar.

Axe',
Sandra

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A " Guia" tem um número certo de contas?

Mensagem por Convidado em Ter Set 09, 2014 5:23 pm

Ah, esqueci de mencionar que a propria palavra Oxala' , que tem origem na expressão árabe in shaa Allaah, cujo significado é “se Deus quiser”.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A " Guia" tem um número certo de contas?

Mensagem por Rodrigo Miranda em Seg Set 22, 2014 11:42 am

Boa tarde, Tania!

Entrei a pouco tempo no Omolokô e não tenho conhecimento suficiente a respeito do número exato, mesmo porque onde frequento não tinha nada de número. Mas, antes disso fui adepto do Vaishnavismo (popularmente Hare Krishna) por alguns anos e a Japamala ("guia" dos hare Krishna) tem 108 contas. Como a irmã acima disse tem haver com o 9 e outras coisas. Segue um link com uma explicação do porque das 108 contas no Vaishnavismo.

Não consegui postar o link... 

Luz e Paz!

Rodrigo Miranda

Mensagens: 2
Reputação: 0
Data de inscrição: 15/09/2014
Localização: Juiz de Fora - MG

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A " Guia" tem um número certo de contas?

Mensagem por Convidado em Ter Set 23, 2014 12:45 am

Oi, Rodrigo

Obrigado pelo comentario. E' interessante notar como as guias (ou malas, rosarios, japamalas, etc.) de varias religioes tem sempre 108 contas. E' verdade que isso tem a ver com o no. 9, que e' uma reducao de 108 (1+0+Cool e que significa, entre outras coisas, o final do caminho, o completar da nossa caminhada na Terra, quando entao voltamos ao inicio, ou seja, ao no.1 (a causa primordial de tudo o que existe).

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A " Guia" tem um número certo de contas?

Mensagem por Convidado em Ter Set 23, 2014 12:46 am

ps: eu quis dizer 108 (1+0+8, mas em vez disso saiu a carinha... rsrsrs.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum